EducaPX SitePX AWS Contraste Aumentar/Diminuir a fonte

CEDH da Cidade de São Paulo: territórios, educação e cidadania

Publicado em 15/04/2016 às 17h24

A publicação reúne, em 161 páginas, a sistematização de uma prática que tem uma trajetória de construção, passando por etapas políticas, administrativas e gerenciais, desde a sua elaboração (2013), até a sua consolidação (2016). Neste momento, converte-se numa política permanente e contínua, incorporada à cultura institucional da educação formal da rede de CEUs da Cidade de São Paulo e das oportunidades educativas do território, enquanto práticas interconectadas.

 

O conteúdo apresenta a história de um projeto que nasce por iniciativa da Coordenação de Educação em Direitos Humanos (CEDH) da Secretaria Municipal de Direitos Humanos e Cidadania (SMDHC), e se consolida como uma política institucional da Secretaria Municipal de Educação (SME). Em todas as etapas, contou-se com integral apoio, parceria e fomento das 13 Diretorias de Ensino (DREs) da Rede Municipal de Ensino, através do Núcleo de Educação em Direitos Humanos, e do Grupo Intersecretarial de Educação em Direitos Humanos (GTI EDH - SME).

 

Nessa história, o protagonismo de gestores, educadores, territórios organizados, operando em uníssono através dos centros de deliberação democrática do projeto, o GT Central dos 04 Centros de EDH e os GTs locais, demonstra que a qualidade das atividades, iniciativas, projetos, encontros, eventos, acervos, materiais e formações se tornaram possível em função da contribuição que cada um pode agregar ao processo de construção coletiva como um todo.

 

O livro está dividido oito capítulos temáticos que apresentam conceitos, relatam histórias e propõem sugestões e um capítulo de considerações gerais ao final. O capítulo 1 apresenta informações conceituais e históricas para a definição da EDH e propõe uma articulação deste conceito à perspectiva contemporânea do direito à cidade; o capítulo 2 pretende contar como foi o processo de elaboração e implementação do projeto “A Educação em Direitos Humanos no Município de São Paulo”, mais especificamente os CEDHs, destacando as articulações e as parcerias construídas durante este processo; o capítulo 3 traz uma apresentação minuciosa de cada Polo CEDH, caracterizando os territórios onde eles foram constituídos. Na sequência, os capítulos 4, 5, 6, 7 e 8 descrevem como foram desenvolvidas as ações do Projeto CEDH a partir das cinco frentes de atuação que o constituem: Cultura de participação; Articulação territorial; Formação e material pedagógico; Acervo público de DH; e Calendário de atividades culturais e educativas.

 

Para ilustrar todo esse trabalho, foram incluídas imagens das atividades realizadas ao longo do ano de 2015 e dos quatro Centros Educacionais Unificados (CEUs) – CEU São Rafael (Zona Leste), CEU Jardim Paulistano (Zona Norte), CEU Pera-Marmelo (Zona Oeste) e CEU Casa Blanca (Zona Sul), onde se realizou o projeto, contemplando as quatro macrorregiões da cidade de São Paulo: Norte, Sul, Leste e Oeste. Toda essa preocupação com a escolha das imagens nos permite adentrar com mais riqueza nesse trabalho buscando inspirar em outros territórios a construção de uma política de educação que esteja comprometida com a transformação social e baseada nos princípios de dignidade, igualdade, laicidade, democracia e respeito às diferenças.

 

Espera-se que o material tenha sentido formativo, seja o relato de uma experiência coletiva, possa inspirar a trajetória de muitos(as) atores(as) e favorecer a replicabilidade do projeto em diversos outros espaços.

 

O material está disponível online, para livre circulação. Boa Leitura!

 

Confira aqui

 

 

voltar para Notícias

left show fsN center tsN c05 fwB|left fwR tsN center fsN normalcase|show c15 center normalcase tsN fwB|c05||image-wrap|news c05|fsN fwR normalcase tsN bsd b02 c05 sbww|b01 c05 bsd|login news fwR normalcase tsN b01 bsd c05|bsd b02eu sbww fwR c05 tsN fsN normalcase|normalcase fwR c05|content-inner||